terça-feira, 13 de fevereiro de 2007

Saudações, mundo.

Saudações a todos,

como diz a boa educação, permitam-me que eu me apresente e, conseqüentemente, o propósito deste blog.

Chamo-me Rodrigo Schmidt, natural de Uruguaiana - Rio Grande do Sul, amante das artes e tecnologia, formei-me em 2004 no curso de Ciências Jurídicas e Sociais pela PUCRS - Campus II - e venho trabalhando como advogado desde o final de 2006.

Neste blog, procurarei abordar temas que me interessam tecendo comentários e fazendo observações, posso adiantar que esses temas serão relacionados com fatos do dia a dia do meu cotidiano, tais como as notícias de minha cidade, estado, país e até mesmo de todo o planeta.

Contudo, não pretenderei me abster nisso e espero ocasionalmente encontrar tempo para escrever sobre filosofia, Direito, artes como música e cinema e, principalmente, tecnologia.

No tocante à tecnologia, pretendo fazer a divulgação de alternativas código aberto (Open Source), especialmente no tocante ao sistema operacional linux denominado Ubuntu*, pois tenho a fiel convicção de que, em um país de terceiro mundo como o que vivemos, não é possível aceitar que um sistema operacional que custa em média dois salários mínimos seja sinônimo de um computador pessoal.

Para maioreis informações a respeito do sistema operacional Ubuntu, sugiro o link acima que direciona à página correspondente da Wikipedia.

Outrossim, adianto que o programa possui como fundamento a seguinte filosofia da qual sou inteiramente partidário e que é expressada na etimologia da palavra:

"Humanidade para todos"
"Eu sou o que nós somos"
"Uma pessoa se torna humana através das outras"
Abaixo, a definição do Arquebispo Desmond Tutu:

Uma pessoa com ubuntu está aberta e disponível aos outros, não-preocupada em julgá-los como bons ou maus, e tem consciência de que faz parte de algo maior e que é tão diminuída quanto seus semelhantes que são diminuídos ou humilhados, torturados ou oprimidos.
Bem, por enquanto é isso.